5 Razões para se ser Freelancer!

5 Razões para se ser Freelancer!

Ser freelancer está ao alcance de qualquer um. É uma opção, às vezes forçada, de encarar o mercado laboral dos dias de hoje, principalmente em algumas áreas de negócio. Eu sou freelancer desde 2007. Comecei por sê-lo contrariado, e hoje dificilmente escolheria outra forma de estar na vida. Partilho aqui convosco as 5 principais razões pelas quais considero que ser freelancer é “fixe”.

Por experiência posso dizer que ser freelancer pode ser frustrante pontualmente, mas é também uma das opções mais compensadoras que podes fazer. Trás uma grande dose de liberdade, independência e de controlo à tua vida. Ao mesmo tempo é bastante desafiante, mas de uma forma positiva.

Se para ti esta é uma possibilidade, mas há algo que te faz recuar em vez de avançar, deixo aqui os 5 principais motivos que fazem com que eu não queira abandonar esta vida!

1 – Tu tomas todas as decisões.

Queres mudar o aspeto do teu website? Força. Queres escolher os teus clientes? Podes!

Enquanto freelancer tomas todas as decisões. És tu que estás no comando!

2 – Potenciais ganhos vão disparar.

Concordo que um salário fixo é mais seguro e confortável. Mas quando se trabalhar para alguém, os ganhos potenciais são sempre mais baixos e mais limitados do que quando se trabalha por conta própria. Em certos ramos de negócio os ganhos podem ser quase ilimitados. Vai depender sempre a tua capacidade de trabalho.

3 – Maior aprendizagem.

Ser freelancer traz muitos desafios. Que não tenhas dúvidas disso! Mas estes desafios são sempre fonte de valiosas aprendizagens.

Quando se trabalha por nossa conta, cruzamo-nos com imensas pessoas diferentes e também elas têm muito para nos ensinar.

Para além de tudo isto também vamos aprender imenso ao lutar para melhorar os nossos skills para poder estar sempre a fazer a diferença no mercado.

4 – Trabalha onde quiseres.

Trabalhar em casa é espetacular, mas não é para todos! Hoje em dia a tecnologia permite que trabalhemos a partir de qualquer ponto. Se está sol, podes até trabalhar no jardim ou no parque… Se chover podes ir até ao café e estar por ali com o portátil. É como quiseres. Tu é que decides.

5 – Começa como freelancer, acaba como CEO.

Quando se inicia este caminho nunca se sabe onde vamos parar. Podes muito bem estar, no futuro próximo, a dar emprego a alguém. As oportunidades vão surgir. Depende sempre de até onde queres ir!

Ver esta publicação no Instagram

Ser freelancer está ao alcance de qualquer um. É uma opção, às vezes forçada, de encarar o mercado laboral dos dias de hoje, principalmente em algumas áreas de negócio. Eu sou freelancer desde 2007. Comecei por sê-lo contrariado, e hoje dificilmente escolheria outra forma de estar na vida. Partilho aqui convosco as 5 principais razões pelas quais considero que ser freelancer é “fixe”. #freelancers #freelancerdesigner #freelancerlife #freelancer #freelancerlifestyle #freelancerbrasil #freelancercreativity #freelancerdigital #freelancerartist #freelanceragency #freelancerillustrator #freelancertips #freelancerjob #freelancereporter #portugalonthetop #portugalnow #portugalemprespectiva #portugalemperspectiva #portugal🇵🇹 #freelancerportugal #freelance #freela #freelancedesign #creativevibes #videomaker #videomaking #filmmakerlife

Uma publicação partilhada por Sérgio | Formador & Videógrafo (@xgaizkax) a

Marcações: trabalho, freelancer

Comentários

Construído com HTML5, CSS3 e todas essas cenas - Copyright © 2018 Sérgio Martins

Download Freewww.bigtheme.net/joomla Joomla Templates Responsive